Terça-feira, 23 de julho de 2024

Pepe Mujica e Cristopher Goulart, um encontro de gerações

O advogado e analista político Christopher Goulart, neto do ex-presidente do Brasil João Goulart, preferiu passar o período do carnaval no Uruguai para visitas a familiares. Christopher, que nasceu em Londres, mas possui também as cidadanias uruguaia e brasileira, relata ao colunista, um encontro que considerou especial. Foi na segunda-feira (12), quando esteve na chácara do ex-presidente Pepe Mujica, nos arredores de Montevidéu. A reunião, no ambiente simples, foi previamente marcada pela esposa de Mujica, a ex-vice-presidente do Uruguai Lucía Topolanski. Mujica foi Presidente da República Oriental do Uruguai entre 2010 e 2015. Após deixar a presidência, foi senador de março de 2015 até agosto de 2018.

Projeto cria “Educação integrativa” entre Brasil, Argentina e Uruguai

Christopher revela ainda, que Mujica lhe apresentou um projeto interessante, que pretende aperfeiçoar antes de levar adiante, que cria “Universidades Integrativas”, com títulos universitários inter-regionais. Seriam estabelecimentos para permitir a formação de jovens nas faixas de fronteira com Brasil e Argentina, que não exigiriam posterior revalidação nos dois países, para o exercício profissional. A primeira experiência seria em Rivera na fronteira com Santana do Livramento, no Brasil.

O processo eleitoral no Uruguai também esteve na pauta

Durante o encontro, segundo o relato de Christopher ao colunista, conversaram sobre o processo eleitoral no Uruguai, onde a eleição presidencial está marcada para outubro. A Frente Ampla encontra-se num processo de disputa interna entre a intendente de Montevidéu Carolina Cosse e Yamandu Orsi, intendente de Canelones. Um deles será o candidato da Frente Ampla. Christopher revela que estará alinhado com Orsi, “por ser o candidato de centro-esquerda, apoiado pelo grupo de Pepe Mujica”. Na conversa identificaram uma grande oportunidade da Frente Ampla retomar o comando do governo uruguaio nas eleições deste ano. Para Christopher, “foi um dia histórico. Eu queria muito conhecer pessoalmente o Mujica, e fiquei até emocionado pela sua simplicidade e pela cultura politica desse líder politico”, comenta.

Deputado federal Daniel Trzeciak: fiscalização do TCU na Aneel e CEEE Equatorial

O deputado federal Daniel Trzeciak (PSDB), titular da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados, divulgou o documento que recebeu do Tribunal de Contas da União sobre o pedido para a fiscalização na Aneel, a Agência Nacional de Energia Elétrica, e as medidas adotadas para garantir a qualidade, eficiência e continuidade do serviço público prestado pela CEEE Equatorial. A fiscalização do TCU, com ênfase em municípios da Metade Sul atingidos por graves intercorrências climáticas ano passado, quando milhares de clientes ficaram várias semanas sem luz após a passagem de ciclones pela região, apontou alguns destaques: “A Aneel, junto com a Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul (Agergs), vem realizando diversas atividades de fiscalização e regulação da distribuidora CEEE Equatorial em várias áreas desde julho de 2021”.

“Até 2023, a Aneel aplicou três Autos de Infração e dois Termos de Notificação contra a concessionária por problemas como descumprimento de normas e ausência de registros de reclamações.”

“Além dessas fiscalizações amplas, houve também ações específicas da Aneel referentes aos efeitos dos ciclones extratropicais no Rio Grande do Sul em 2023, incluindo participação em audiências públicas, cobrança de plano de contingência da CEEE Equatorial e treinamentos de pessoal.”

“A CEEE Equatorial elaborou, desde 2021, nove Planos de Resultados para melhoria de sua atuação em áreas como continuidade de energia, ligação com obras e estrutura de atendimento. Esses planos são monitorados pela Aneel.”

“A CEEE Equatorial possui um Plano de Contingência em avaliação pelos reguladores, com possível emissão de relatório de fiscalização pela Agergs.”

“Há, ainda, um Plano de Resultados Plurianual de Continuidade em vigor, que prevê melhoria progressiva dos indicadores de qualidade de serviço da distribuidora até 2026.”

Ministério do Trabalho acompanha ações da CEEE Equatorial

O Ministério do Trabalho e Emprego também vem acompanhando ocorrência que aponta “precarização deliberada” das condições de trabalho em empresas terceirizadas da CEEE Equatorial. Um documento do órgão indica violações graves que estariam sendo toleradas pela concessionária, a partir de inspeção realizada por auditores-fiscais da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Rio Grande do Sul, após a morte de três trabalhadores da empresa terceirizada da Equatorial ocorridas em 2023 nos municípios de Bagé, Capão da Canoa e Palmares.

PL não aceita mudar acordo na Câmara dos Deputados

Pressionado pelos partidos do governo para mudar o acordo que define o comando das comissões permanentes, o líder do Partido Liberal (PL) na Câmara, deputado Altineu Côrtes, garante que o partido fará valer sua condição de maior bancada, e deve ficar com cinco comissões permanentes, incluindo a Comissão de Constituição e Justiça. Segundo o líder, “esse tema será realmente resolvido depois do carnaval, já com os nomes dos titulares das comissões”, esclarece.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Colunistas

Novos horizontes
Projeto do Deputado Federal Afonso Motta redefine conceito de superendividamento
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play