Quarta-feira, 22 de maio de 2024

Sequestro de Silvio Santos vira filme: do apresentador a Geraldo Alckmin, veja quem é quem no elenco

Em agosto de 2001, o Brasil se viu paralisado diante das telas da TV, acompanhando os desdobramentos do chocante sequestro de Silvio Santos. O renomado apresentador tornou-se refém em sua própria residência dias após sua filha, Patrícia Abravanel, ser libertada pelos mesmos criminosos, em um episódio que durou agonizantes 8 horas. Agora, essa história fascinante chega aos cinemas, com estreia marcada para o dia 5 de setembro, e o lançamento do trailer acaba de aguçar ainda mais a curiosidade do público. Rodrigo Faro, afastado das telas como ator há 15 anos, assume o papel principal nessa produção.

O papel de Fernando Dutra Pinto, o sequestrador, fica a cargo do talentoso Johnnas Oliva, que para a interpretação precisou até mesmo descolorir os cabelos. Na vida real, Fernando acabou sendo preso após concordar em negociar, mas sua história teve um desfecho trágico, quando, aos 22 anos, veio a óbito na prisão, vítima de uma parada cardiorrespiratória decorrente de pneumonia bacteriana. Na época, seus advogados tentaram sustentar a alegação de que ele havia sido agredido e envenenado.

No elenco, Polliana Aleixo dá vida a Patrícia Abravanel, que foi sequestrada uma semana antes do pai, enfrentando quase sete dias em cativeiro. Curiosamente, no momento em que Silvio Santos era feito refém, sua filha não estava em casa.

Paulo Gorgulho também se destaca no filme ao interpretar o Coronel Haroldo. Durante o crime, a Polícia Civil foi excluída das negociações conforme exigências do sequestrador, sendo que o comando das operações passou a ser assumido pelo alto escalão da PM, papel magistralmente representado por Gorgulho.

Luciano Bortoluzzi assume o papel de Geraldo Alckmin. Na época do sequestro, Alckmin ocupava o cargo de governador de São Paulo e pessoalmente se envolveu nas negociações com o sequestrador, garantindo a integridade física deste até que se entregasse.

No interior da trama, a dinâmica das negociações entre as autoridades e os sequestradores é meticulosamente retratada, revelando os desafios e tensões enfrentados durante cada passo do processo de libertação de Silvio Santos. Além disso, as angústias e dilemas pessoais dos envolvidos, desde os policiais até os membros da família Santos, são explorados com sensibilidade, proporcionando uma perspectiva íntima e humana sobre os eventos que mantiveram o país em suspense. Com atuações envolventes e uma narrativa cativante, o filme promete mergulhar o público em uma experiência cinematográfica inesquecível, que vai além dos acontecimentos para capturar a essência emocional e psicológica desse momento histórico.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cinema e TV

Renée Zellweger volta a viver Bridget Jones em nova sequência, com Hugh Grant e Emma Thompson
Troca de acusações: Justiça nega exumação do corpo de Gal Costa, mas pede investigação das circunstâncias da morte
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play