Segunda-feira, 22 de julho de 2024

Sesi-RS inicia construção de escolas de Ensino Médio em Canoas e Lajeado

O Serviço Social da Indústria (Sesi-RS) realizará eventos para dar início oficial à construção de duas escolas de Ensino Médio em tempo integral, uma em Canoas e outra em Lajeado. O aporte para as obras foi previsto em 2022, quando a Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs) anunciou o investimento de R$ 300 milhões na educação gaúcha. 

As solenidades de descerramento das placas de obras ocorrem nesta terça-feira (22), em Canoas, e na quarta-feira (23), em Lajeado. Cada complexo escolar atenderá mais de mil alunos até 2027, incluindo além do Ensino Médio a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e as atividades de contraturno.

Em Canoas, serão construídos prédios para a Escola de Ensino Médio, contraturno tecnológico e ginásio de esportes. Com investimento de mais de R$ 30 milhões, a obra tem previsão de conclusão em julho de 2024, possibilitando o começo das atividades escolares em fevereiro de 2025.

Em Lajeado, a obra contempla a construção da Escola de Ensino Médio, ginásio e reformas nos demais prédios da estrutura já existente do Sesi-RS na cidade, um deles exclusivo para o contraturno tecnológico. O investimento também é de mais de R$ 30 milhões, com previsão de conclusão em agosto de 2024 e início das atividades em fevereiro de 2025.

“A construção das novas escolas reforça o compromisso do Sesi-RS com a educação gaúcha, proporcionando aos estudantes aprendizagens que fazem sentido e que estão conectadas aos desafios de uma sociedade cada vez mais digital”, avalia o superintendente do Sesi-RS, Juliano Colombo.

Obras são resultado de investimento de R$ 300 milhões em educação

Além de Canoas e Lajeado, o investimento de R$ 300 milhões será aplicado na construção de escolas de Ensino Médio em tempo integral nas cidades de Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Novo Hamburgo e Santa Cruz do Sul. E a estrutura já existente em Pelotas será ampliada.

O investimento ainda permitiu a instalação do Instituto de Formação de Professores, em Porto Alegre, dedicado à capacitação e à qualificação de educadores de escolas públicas e privadas, bem como à realização de estudos sobre dados educacionais. Outro propósito foi a reformulação e a ampliação do contraturno tecnológico com ênfase em pensamento computacional. A iniciativa atende a crianças de seis a 15 anos, no turno inverso à escola.

As novas escolas de Canoas e Lajeado seguirão a proposta pedagógica que já tornou o Sesi-RS referência em educação, na qual o aprendizado se dá por meio da pesquisa, as tecnologias de inovação estimulam a criatividade e a solução de problemas, as turmas são divididas em grupos para incentivar o trabalho colaborativo e os professores atuam como mentores, em apoio aos estudantes na busca de respostas para cada desafio.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Passeio ciclístico de aventura em Igrejinha
Associação dos Magistrados do Trabalho da 12ª Região debate sobre relações trabalhistas na sociedade digital
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play