Terça-feira, 21 de maio de 2024

Três erros que fazem você recuperar todo o peso que perdeu

Na busca por um corpo mais saudável e em forma, muitas pessoas acabam se deparando com obstáculos que não só interrompem seu progresso, mas também podem levar ao indesejado “efeito sanfona”, que nada mais é do que a perda e ganho de peso após uma dieta. Ou seja, o ponteiro da balança desce durante um período de restrição alimentar, mas volta a subir quando esse processo é interrompido. Além de ser frustrante, este ciclo de perder e ganhar peso provoca efeitos negativos na saúde física e mental.

O professor Carlos Eduardo Haluch, nutricionista especializado em emagrecimento, lista os erros mais comuns que impedem uma perda de peso sustentável e dá dicas de como se livrar de uma vez por todas dos quilos a mais.

“O aumento da fome e a redução do metabolismo favorecem a recuperação do peso no longo prazo, principalmente porque o ambiente que nos rodeia dificulta a manutenção de um estilo de vida saudável. Portanto, é importante buscar apoio de amigos e familiares, além de se cercar de influências positivas que incentivem escolhas saudáveis”, comenta Haluch.

Evite as ciladas

Para combater esses erros comuns, o professor destaca algumas estratégias. “É preciso manter a prática diária de exercícios físicos, monitorar o peso toda semana e manter um padrão regular de refeições, mesmo nos finais de semana e feriados. A consistência ajuda a criar hábitos saudáveis duradouros, que são incorporados de uma forma definitiva à nossa rotina”, pontua.

O especialista explica que a prática de exercícios ajuda a acelerar o metabolismo e a criar um déficit calórico, o que é essencial para o processo de emagrecimento, além de trazer benefícios para a saúde mental e física. “Monitorar o peso semanalmente permite identificar rapidamente a necessidade de ajuste na dieta ou na rotina de exercícios”, diz.

Haluch reforça que a chave para um emagrecimento saudável e sem o efeito sanfona não reside em dietas extremas ou na privação, mas na adoção de um estilo de vida equilibrado.

“Através do planejamento, da consistência e do monitoramento, é possível atingir e manter o peso desejado, melhorando não apenas a forma física, mas também a saúde e o bem-estar”, completa o especialista.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Saúde

Três erros que fazem você recuperar todo o peso que perdeu

Na busca por um corpo mais saudável e em forma, muitas pessoas acabam se deparando com obstáculos que não só interrompem seu progresso, mas também podem levar ao indesejado “efeito sanfona”, que nada mais é do que a perda e ganho de peso após uma dieta. Ou seja, o ponteiro da balança desce durante um período de restrição alimentar, mas volta a subir quando esse processo é interrompido. Além de ser frustrante, este ciclo de perder e ganhar peso provoca efeitos negativos na saúde física e mental.

O professor Carlos Eduardo Haluch, nutricionista especializado em emagrecimento, lista os erros mais comuns que impedem uma perda de peso sustentável e dá dicas de como se livrar de uma vez por todas dos quilos a mais.

“O aumento da fome e a redução do metabolismo favorecem a recuperação do peso no longo prazo, principalmente porque o ambiente que nos rodeia dificulta a manutenção de um estilo de vida saudável. Portanto, é importante buscar apoio de amigos e familiares, além de se cercar de influências positivas que incentivem escolhas saudáveis”, comenta Haluch.

Evite as ciladas

Para combater esses erros comuns, o professor destaca algumas estratégias. “É preciso manter a prática diária de exercícios físicos, monitorar o peso toda semana e manter um padrão regular de refeições, mesmo nos finais de semana e feriados. A consistência ajuda a criar hábitos saudáveis duradouros, que são incorporados de uma forma definitiva à nossa rotina”, pontua.

O especialista explica que a prática de exercícios ajuda a acelerar o metabolismo e a criar um déficit calórico, o que é essencial para o processo de emagrecimento, além de trazer benefícios para a saúde mental e física. “Monitorar o peso semanalmente permite identificar rapidamente a necessidade de ajuste na dieta ou na rotina de exercícios”, diz.

Haluch reforça que a chave para um emagrecimento saudável e sem o efeito sanfona não reside em dietas extremas ou na privação, mas na adoção de um estilo de vida equilibrado.

“Através do planejamento, da consistência e do monitoramento, é possível atingir e manter o peso desejado, melhorando não apenas a forma física, mas também a saúde e o bem-estar”, completa o especialista.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Saúde

WhatsApp pode começar a sugerir contatos para você conversar
Qualidade de vida: cientistas revelam hábito que aumenta a imunidade em apenas 15 minutos
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play