Sexta-feira, 01 de julho de 2022

loader

Vigilância em saúde relata aumento de casos de doenças diarreicas no Rio Grande do Sul

O Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs) identificou nos últimos meses o aumento de relatos por parte dos municípios de casos doença diarreica aguda (DDA). São 24 municípios que relataram ou surtos de DDA em instituições de ensino ou aumento de casos nos atendimentos médicos de pessoas com sintomas de diarreia, vômito, náusea e dor abdominal.

Desde o final de agosto, em 13 municípios os casos identificados estiveram ligados a surtos em estabelecimentos de ensino. Eles ocorreram em Barra Funda, Colorado, Erechim, Ijuí, Mato Leitão, Nova Prata, Porto Alegre, Santa Maria, Santa Rosa, Santo Antônio do Palma, Sarandi, Selbach e Tucunduva.

Nesses estabelecimentos, após a identificação dos locais, as medidas sanitárias necessárias já foram adotadas para a resolução dos casos, principalmente envolvendo um reforço das questões de higiene pessoal e no preparo de alimentos, já que o consumo pode ser umas das formas de transmissão.

Houve também o relato de aumento expressivo de casos de DDA em outras 11 cidades, porém, as investigações abertas ainda não conseguiram identificar se estão relacionados a surtos pontuais ou que houvesse outra fonte em comum, por isso as investigações permanecem em curso.

Cidades com relato de aumento na procura por atendimento médico

Santana do Livramento – Em acompanhamento
Dois Irmãos – Normalizado
Esteio – Em acompanhamento
São Pedro da Serra – Normalizado
Saldanha Marinho – Em acompanhamento
Horizontina – Em acompanhamento
Lavras do Sul – Normalizado
Caxias do Sul – Em acompanhamento
Bento Gonçalves – Em acompanhamento
Santa Cruz do Sul – Em acompanhamento
Lajeado – Em acompanhamento

As investigações nesses oito municípios que permanecem com aumento de casos, abrangem verificação de vínculo entre os doentes, coletas de amostras clínicas das pessoas com sintomas para análise, bem como amostras ambientais (água) para identificar possível fonte de exposição e o agente etiológico envolvido.

As doenças diarreicas agudas (DDA) são doenças gastrointestinais que têm como principal sintoma a diarreia. De maneira geral, os causadores envolvem uma ampla gama de micro-organismos que estão presentes naturalmente no ambiente, mas que podem apresentar aumento na sua presença em determinadas épocas do ano.

O norovírus é o mais comum entre eles. Em nove cidades ele já foi identificado em amostras clínicas de pessoas com sintomas, enquanto nas demais cidades ainda não há resultado ou não houve a coleta do material.

À população, a orientação é, em caso de sintomas, repouso e aumento na ingestão de líquidos para evitar desidratação. Em caso de sintomas mais graves, orienta-se procurar atendimento médico.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

450 mil doses de Pfizer serão distribuídas nesta terça-feira aos municípios gaúchos
Porto Alegre vacina contra a Covid em 47 locais nesta terça-feira
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play