Terça-feira, 25 de junho de 2024

Bélgica devolverá fóssil brasileiro encontrado no Ceará

O Ministério das Relações Exteriores informou que iniciou o processo de repatriação do fóssil de crânio de pterossauro que, em caráter provisório, estava na Bélgica, sob os cuidados do Instituto Real de Ciências Naturais daquele país.

Originário da Bacia do Araripe, no Ceará, o fóssil é protegido pelo Código de Mineração e pela Convenção da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) sobre as Medidas para Proibir e Impedir a Importação, a Exportação e a Transferência de Propriedade Ilícita de Bens Culturais.

Em nota divulgada na terça-feira (1), em Brasília, o Itamaraty informou que este “importante patrimônio arqueológico brasileiro” deverá ficar exposto no Museu de Ciências da Terra, no Rio de Janeiro. As negociações visando ao retorno do fóssil do réptil foram feitas com a ajuda da Embaixada do Brasil em Bruxelas e do Serviço Geológico do Brasil.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Presidente da França discutirá crise na Ucrânia com Biden e Putin em ligações separadas
Servidores do Banco Central ameaçam greve por tempo indeterminado
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play