Domingo, 21 de julho de 2024

Campanha Mochila Cheia quer alcançar 200 mil estudantes das redes públicas atingidos pelas enchentes no RS

Uma proposta destinada a suprir carências acentuadas nesta enchente entre alunos das redes públicas estadual e municipal ganhou uma dimensão gigantesca. Trata-se da campanha Mochila Cheia, lançada pela SEDUC, a Secretaria da Educação do Estado. A secretária Raquel Teixeira designou o diretor-geral da pasta, André Domingues, para coordenar o projeto.

Domingues, jovem advogado e professor universitário, veio de Santa Maria, onde já atuou como vereador e secretário do Meio Ambiente. Segundo ele, “a campanha Mochila Cheia vem encontrando enorme receptividade, que nos permitiu ir além do apoio junto às nossas 30 coordenadorias regionais no interior”. Ele explica que “nos últimos dias, conseguimos trazer diversas entidades, empresários, sociedade civil organizada, pessoas físicas e jurídicas, Defesa Civil e instituições, como a Famurs, a Federação das Associações de Municípios, o Exército e a Aeronáutica, o que nos permite projetar de forma otimista uma meta de arrecadar 200.000 mochilas com material escolar, livros didáticos e apostilas para serem entregues aos alunos gaúchos atingidos pelas enchentes”.

A distribuição alcançará alunos das redes públicas estadual e municipal. A campanha Mochila Cheia foi apresentada ao governador Eduardo Leite e ao vice Gabriel Souza, que chancelaram o projeto, hoje alcançando todas as regiões do Estado, com prioridade para as áreas atingidas pelas enchentes.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Colunistas

Sebastião Melo diz que “choveu menos que o previsto, mas continuamos vigilantes”
O Banco Central, câmbio, inflação e Taxa Selic
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play