Segunda-feira, 15 de agosto de 2022

“Objetivos da Rússia agora vão além de Donbass”, diz ministro russo

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse nesta quarta-feira (20) que os objetivos geográficos da “operação militar especial” de Moscou na Ucrânia não estão mais limitados à região leste de Donbass, mas incluem vários outros territórios.

A informação é da agência de notícias estatal russa RIA Novosti. Lavrov acrescentou que os objetivos da Rússia se expandirão ainda mais se o Ocidente entregar armas de longo alcance a Kiev.

Quando a Rússia invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro, o líder russo, Vladimir Putin, negou qualquer intenção de ocupar territórios ucranianos, dizendo que seu objetivo era desmilitarizar e “desnazificar” o país — uma declaração descartada por Kiev e pelo Ocidente como pretexto para uma guerra russa de expansão.

Depois de ser derrotado em uma tentativa inicial de tomar a capital Kiev, o Ministério da Defesa da Rússia disse em 25 de março que a primeira fase da operação especial estava completa e agora se concentraria em “alcançar o objetivo principal, a libertação de Donbass”.

Quatro quatro meses depois, tomou Luhansk, uma das duas regiões que compõem o Donbass, mas ainda está longe de capturar toda a outra, Donetsk, ligada a separatistas pró-Rússia.

No entanto, as forças russas já conquistaram território muito além de Donbass, especialmente nas regiões sul de Zaporizhzhia e Kherson, e continuam lançando ataques com mísseis em cidades da Ucrânia.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Porto Alegre começa a vacinar contra a Covid-19 crianças imunocomprometidas de 3 e 4 anos
Estagnado em pesquisas, Ciro Gomes recupera slogan na tentativa de evitar voto útil
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play