Terça-feira, 17 de maio de 2022

loader

Pesquisa de opinião diz que 80% dos brasileiros acham que a pandemia está em parte ou totalmente controlada

Pesquisa do Instituto Datafolha publicada nesta sexta-feira (24) no site do jornal “Folha de S.Paulo” aponta que 80% dos brasileiros entendem que a pandemia do novo coronavírus está controlada no Brasil.

O Datafolha perguntou: na sua opinião, a pandemia no Brasil está totalmente controlada, em parte controlada ou está fora de controle?

— Totalmente controlada: 9% (5% em 7 e 8 de julho; 4% em 11 e 12 de maio; 2% em 15 e 17 de março; e 3% em 20 e 21 de janeiro);

— Em parte controlada: 71% (53% em 7 e 8 de julho; 42% em 11 e 12 de maio; 18% em 15 e 17 de março; e 33% em 20 e 21 de janeiro);

— Fora de controle: 20% (41% em 7 e 8 de julho; 53% em 11 e 12 de maio; 79% em 15 e 17 de março; e 62% em 20 e 21 de janeiro);

— Não sabe: 1% (1% em 7 e 8 de julho; 1% em 11 e 12 de maio; 1% em 15 e 17 de março; e 2% em 20 e 21 de janeiro).

Uso de máscara

A pesquisa apontou também que 91% acreditam que a máscara deve ser obrigatória enquanto a pandemia não estiver totalmente controlada.

Os outros 9% responderam que não consideram que o uso da proteção deve ser obrigatório.

Vacinas

O Datafolha também perguntou: Você se sente muito, um pouco ou nada protegido com as vacinas contra a covid?

— Muito: 42%

— Um pouco: 48%

— Nada: 10%.

Covid no Brasil

O Brasil registrou 680 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas, com o total de óbitos chegando a 593.698 desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias ficou em 565. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +21% e aponta tendência de alta — pelo terceiro dia, após 3 meses em estabilidade ou queda.

Os números estão no novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre a situação da pandemia de coronavírus no Brasil, consolidados às 20h desta sexta. O balanço é feito a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Em 31 de julho o Brasil voltou a registrar média móvel de mortes abaixo de 1 mil, após um período de 191 dias seguidos com valores superiores. De 17 de março até 10 de maio, foram 55 dias seguidos com essa média móvel acima de 2 mil. No pior momento desse período, a média chegou ao recorde de 3.125, no dia 12 de abril.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia, 21.326.804 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 18.844 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 32.038 novos diagnósticos por dia. Isso representa uma variação de +93% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de alta nos diagnósticos.

A média móvel de casos vinha em sequência de queda por 18 dias seguidos até a semana passada, se aproximando de 15 mil diagnósticos diários, mas saltou para acima de 30 mil devido à inserção de dezenas de milhares de casos represados após um ajuste no sistema que concentra esses dados.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Grêmio e Arena apresentam protocolos para retorno de público ao estádio
Governo aprova dose de reforço contra a covid para profissionais da saúde
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play