Segunda-feira, 22 de abril de 2024

WhatsApp deve liberar em breve uma opção para guardar mensagens que desaparecem

Após um longo período de espera, o WhatsApp começou a oferecer mensagens com prazo de validade, para que o conteúdo não fique armazenado. Agora, a equipe do mensageiro está preparando uma opção para guardar estes conteúdos, que já começou a dar as caras na versão experimental do aplicativo para Android. É o que mostra uma descoberta feita pelo WABetaInfo nesta semana.

O relato da semana dá sequência a um rumor que paira sobre o mensageiro há cerca de um ano. Em abril do ano passado, o site especializado encontrou rastros de uma opção para manter as mensagens que expiram. Depois, a função deu as caras mais uma vez em maio de 2022.

De lá para cá, o recurso continuou em desenvolvimento, sem ser liberado ao público do WhatsApp Beta. Agora, alguns participantes do programa de testes notaram que o recurso deu as caras na versão 2.23.4.10 do aplicativo para Android.

O rastro do recurso apareceu na página com as informações da conversa. Dentro dela, existe a opção “Mensagens mantidas” (em tradução livre), logo abaixo do botão “Mensagens favoritas”. Será neste lugar que os usuários poderão conferir os conteúdos que foram guardados e não expiraram.

Ainda não dá para manter mensagens temporárias do WhatsApp

Esta seção, no entanto, ainda é um enfeite. Segundo o WABetaInfo, não é possível armazenar estes conteúdos, pois a função ainda segue indisponível. Mas o surgimento, acidental ou não, sugere que o recurso pode ser lançado na versão experimental do WhatsApp nas próximas semanas.

Enquanto isso, não há informações exatas sobre como o recurso vai funcionar. Todavia, especula-se que, ao receber uma mensagem temporária, os usuários poderão apertar um botão para retê-las. Em seguida, ela estará guardada no celular do remetente, para ser visualizada no futuro.

O relato de abril de 2022 ainda nota que, quando uma mensagem é mantida, todos os participantes da conversa terão acesso às informações temporárias. Por outro lado, ao retirar o conteúdo da lista, ninguém mais poderá visualizá-lo novamente.

Mesmo assim, vale perguntar: esta opção não seria contraditória? Pois, se o aplicativo permite aplicar um prazo de validade ao texto ou mídia enviada, por que oferecer um botão para, justamente, suspender essa contagem regressiva?

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Tecnologia

Diagnosticado com demência, Bruce Willis muda testamento e faz divisão desigual de herança
O carnaval não é considerado feriado nacional, a não ser que haja leis municipais ou estaduais que oficializem a folga
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play