Terça-feira, 16 de agosto de 2022

Autoridades chinesas arrombam residências à procura de pessoas infectadas pelo coronavírus

Mais de 80 residências em Guangzhou, uma das maiores cidades da China, localizada no Sul do país, foram arrombadas neste mês pelas autoridades locais, em busca de possíveis novos casos de Covid-19.

A ação ocorreu após várias pessoas que vivem em um condomínio testarem positivo para a doença. As autoridades invadiram os apartamentos argumentando haver pessoas que estariam tentando escapar da transferência para centros de confinamento, segundo a imprensa local.

De acordo com o jornal Global Times, os moradores infectados foram transferidos para uma instalação centralizada, mas “alguns contatos próximos foram encontrados escondidos em suas casas”.

O governo da província de Guangdong afirmou que os arrombamentos “se desviaram das regras que regem a prevenção de epidemias”. As autoridades asseguraram que haverá uma investigação sobre o caso e que os afetados pelos arrombamentos serão indenizados pelos danos materiais.

Imagens dos arrombamentos foram divulgadas nas redes sociais, gerando uma onda de manifestações contrárias à ação.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de coronavírus

Diretor da Caixa Econômica Federal é encontrado morto na sede do banco, em Brasília
Justiça mantém condenação de administrador de frigorífico gaúcho que sonegou quase R$ 6 milhões em impostos
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play