Quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

loader

Pela primeira vez, uma mulher vai presidir o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul elegeu na tarde desta segunda-feira (6) a nova administração para o biênio 2022/2023. Pela primeira vez uma mulher, a desembargadora Iris Helena Medeiros Nogueira, foi eleita presidente.

A desembargadora Iris, logo após a eleição, afirmou que está pronta para o desafio de administrar o judiciário gaúcho. “Sabemos dos grandes desafios que teremos pela frente, mas estamos todos preparados para a administração do TJRS, dando continuidade a vários projetos que foram implementados pela gestão do atual presidente, desembargador Voltaire de Lima Moraes”, disse.

A desembargadora destacou que o plano de carreira dos servidores, sancionado pelo governador Eduardo Leite recentemente, será implementado integralmente. A magistrada também afirmou que “teremos sempre o nosso olhar voltado para os magistrados, servidores e também aos nossos jurisdicionados, ao povo, que é nosso patrão, e estamos aqui trabalhando por ele”.

O processo eleitoral ocorreu através de sistema de votação virtual desenvolvido pelo Tribunal de Justiça. 136 desembargadores votaram. A desembargadora Iris obteve 71 votos contra 63 do desembargador Tasso Caubi Soares Delabary, além de 2 votos em branco. A posse da nova administração ocorrerá na primeira semana de fevereiro de 2022.

O desembargador Alberto Delgado Neto ficou como 1º vice, o desembargador Antonio Vinicius Amaro da Silveira como 2º vice, e a desembargadora Lizete Andreis Sebben como 3ª vice. O desembargador Giovanni Conti foi eleito corregedor-geral da Justiça.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Câmara Municipal de Porto Alegre aprova redução de dias de passe-livre
Hospital de Clínicas de Porto Alegre lança concurso para nível superior, médio e fundamental
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play